Notícias

Preço do calçado vai subir 11% mas as vendas devem cair 1% no próximo semestre

quarta-feira, 28 de dezembro de 2022
Europeus deverão comprar menos 56 milhões de pares de sapatos em 2023, em compensação os norte-americanos vão comprar mais 156,4 milhões de pares. Dados são do mais recente inquérito do projeto World Footwear da APICCAPS
Preço do calçado vai subir 11% mas as vendas devem cair 1% no próximo semestre

Empresários e retalhistas mundiais esperam que o preço do calçado registe uma "forte subida" no próximo ano, apontando para valores entre os 5 e os 20%. Em termos médios, o aumento perspetivado é de 11%, nos próximos seis meses, mas que será acompanhado de uma quebra de vendas da ordem de 1%. Só na Europa espera-se que o consumo faça cair as vendas, no próximo ano, em 56 milhões de pares.

Os dados são do Business Conditions Survey, o inquérito que a Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e seus Sucedâneos (APICCAPS) realiza duas vezes por ano junto de especialistas de mais de 40 países no âmbito do World Footwear, e que visa avaliar as macro tendências do setor. Os resultados, divulgados mostram que os europeus são os que encaram o futuro de forma mais negativa, com 45% dos inquiridos a apontar para quebras de consumo moderadas, valor que sobe para os 57% quando contabilizados também os que antecipam fortes quebras.

Em termos globais, e considerando as respostas de todos os continentes, 30% dos inquiridos esperam que 2023 traga quebras moderadas do consumo, entre 1,5% e 5%, enquanto 28% antecipam, precisamente, o contrário: crescimentos moderados do consumo. 11% acreditam que o crescimento será forte (5% a 20%) e 14% que a quebra será de dimensão equivalente. 16% dos especialistas apontam para uma estabilização do consumo.

Fonte: https://www.dinheirovivo.pt/empresas/preco-do-calcado-vai-subir-11-mas-as-vendas-devem-cair-1-no-pro
824

Voltar