Quarta-Feira 23 de Outubro de 2019 Institucional | Mapa do Site | Localização | Contactos | Facebook CTCP Youtube CTCP Linkedin CTCP Instagram  CTCP

Newsletter

Ver todas

Subscrever newsletters




Links
 
 
NOTICIAS
         

  

Google Translate


APICCAPS reúne com Presidente da República

A APICCAPS (Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e Seus Sucedâneos) vai reunir, esta tarde (16h30) com o Senhor Presidente da República, no Palácio de Belém.

Depois de ter apresentado, em meados de 2007, numa cerimónia presidida pelo Primeiro-Ministro José Sócrates, o novo Plano Estratégico da Indústria Portuguesa de Calçado para os próximos anos, que definiu como quatro eixos prioritários, a «Inovação», a «Qualificação dos Recursos Humanos», a «Internacionalização» e «Cooperação e Redes», a APICCAPS vai apresentar hoje ao Presidente da República o plano de acção integrado para os próximos anos.

O objectivo é reforçar a capacidade competitiva daquele que é o terceiro exportador europeu e o sétimo a nível mundial, tornando a indústria portuguesa de calçado na maior referência  na cena competitiva internacional.

No plano externo, o calçado português inicia, este mês, a maior ofensiva promocional de sempre nos mercados internacionais.   A nova campanha de promoção externa (da autoria da APICCAPS em parceria com a AICEP e que foi já apresentada ao QREN), envolverá um total de 140 empresas, e um investimento total de 8 milhões de euros (mais 21,4% do que em 2007) a concretizar em 15 mercados distintos.

Para além do reforço da presença no mercado europeu, o calçado português investirá noutros mercados de elevado potencial de crescimento como a China, o Japão e a Rússia.
 
Também na área da inovação, qualificação dos recursos humanos e cooperação e redes, o sector do calçado está a preparar algumas iniciativas capazes de assegurar novos ganhos competitivos para o futuro.

Nos últimos anos, a indústria portuguesa de calçado redimensionou-se, reformulou o seu modelo de negócio e está agora apostada em passar a uma nova fase de desenvolvimento. A internacionalização e a abertura ao exterior são um dos vectores fundamentais da estratégia do calçado português. Mesmo durante o processo de ajustamento porque passou nos últimos anos, a indústria manteve sempre uma forte aposta nos mercados externos, assente numa atitude comercial proactiva. Fruto dessa estratégia, pela primeira vez em 2007, as exportações portuguesas ultrapassam os 90% da produção nacional de calçado. 
 
Constituída por 1300 empresas e sendo responsável por mais de 35 mil postos de trabalho, o calçado é o produto que mais positivamente contribui para a balança comercial portuguesa, com um saldo positivo de 800 milhões de euros.


Fonte: APICCAPS,16.Jan.07

Data:2008-01-16    Visualizações: 1966


Google Translate Imprimir Enviar este registo a alguém
Voltar
Área Reservada

N.º Nif

Password

memorizar-me


ainda não se registou?
Perdeu a password?
Pesquisa de Informação




--------------------------



    Política de Privacidade | Livro de Visitas | Livro de Reclamações