Notícias

Flexioptima: Equipamento CNC produzido em Portugal a dar passos seguros no mercado

sexta-feira, 17 de março de 2017
Flexioptima: Equipamento CNC produzido em Portugal a dar passos seguros no mercado

O equipamento CNC- Flexioptima - que foi desenvolvido no âmbito de um projeto de I&DT  com o mesmo nome, é atualmente o motor da empresa OPTIMA (grupo Tecmacal) que se prepara para investir  1,5 milhões,  numa nova unidade de produção, em São João da Madeira.

Em comercialização desde 2012, este equipamento inovador que não era produzido em Portugal até à realização deste projeto, já está representado em 18 empresas nacionais e internacionais, em setores como a metalúrgica, indústria do frio e congelação, industria automóvel, mobiliário urbano, controlo de qualidade, iluminação, portas, aeronáutica e acrílicos.

A empresa já faturou cerca de 1,3 milhões de Euros, só com a venda deste equipamento que é fabricado à dimensão das necessidades de cada cliente. Um equipamento CNC flexível de funções modulares, que podem ser de 3 e 5 eixos. Este permite realizar  trabalhos de grande envergadura, com rapidez e precisão, com várias áreas de trabalho possíveis e permite a utilização de várias ferramentas de corte, gravação e maquinação em materiais como: madeira, acrílico, PVC, cerâmicos, cortiça, compósito; plástico e metais.

Para os responsáveis da empresa a grande vantagem do equipamento é a sua versatilidade e a capacidade de resposta a projetos por medida.
Para Américo Santos - Administrador do Grupo Tecmacal, esta foi uma aposta ganha. É esse o espirito empreendedor deste dirigente, que considera essencial a aposta em I&DT, para que a empresa se mantenha competitiva no mercado. Foram os “projetos que ensinaram a Tecmacal a ver a inovação e I&DT como áreas estratégicas na gestão da empresa".


Grupo Tecmacal em 2016
110 colaboradores
As empresas do grupo: Tecmacal mais duas filiais, em Felgueiras e Benedita, Tecmacal Marrocos, Gralim, Optima, Plaquicouro, Santos & Pires, Luso-Comelz e SoftDreams
Volume de negócios de aproximadamente 17 milhões de euros


Projeto FLEXIOPTIMA
O projeto FLEXIOPTIMA foi desenvolvido no âmbito dos projetos I&DT em co-promoção ao abrigo do Compete, Programa Operacional Factores de Competitividade, no âmbito do QREN.
Parceiros
O  FLEXIOPTIMA integrou uma parceria constituída por uma empresa produtora de equipamentos e duas entidades de I&DT.
Tecmacal- Equipamentos Industriais S.A
INEGI – Instituto de Engenharia de Mecânica e Gestão Industrial
CTCP – Centro Tecnológico do Calçado de Portugal
Duração
fevereiro 2009 / janeiro de 2012


Saiba mais sobre este equipamento AQUI.




Fonte: ctcp
3749

Voltar